Notícias do mercado imobiliário

Brasil impulsiona a atracção de investimentos

O crescimento na classe média no Brasil impulsiona a atracção de investimentos estrangeiros
O bom momento económico vivido pelo Brasil incentiva os empresários estrangeiros a investir cada vez mais no país. Após um cenário de crise, o Brasil é hoje um dos países mais atractivos para se investir, tendo-se destacado pela maneira como enfrentou e superou o grave período na área financeira internacional.

A economia estável, fruto de uma estratégia ao mesmo tempo responsável e ousada durante a crise internacional, o crescimento da classe média e o aumento do consumo interno, ratifica o que a consultoria norte-americana A. T Kearney divulgou recentemente: o Brasil é o quarto país preferido dos investidores estrangeiros para aplicarem os seus investimentos.

Com um quadro económico que desperta a cobiça dos investidores internacionais, com uma previsão de crescimento de 6% num ano, aliado a uma procura de moradias na ordem de 7,8 milhões, há um cenário ideal para captar, para o Brasil, investimentos principalmente no mercado imobiliário e turístico.

Se o momento económico em crescimento já era favorável, a conquista dos dois maiores eventos mundiais (a Copa do Mundo, em 2014, e as Olimpíadas do Rio, em 2016) é um factor decisivo para colocar o país de vez numa posição de destaque no turismo mundial. Além da construção dos estádios e dos complexos desportivos, que serão palco das disputas por medalhas e dos jogos da Copa, e da melhoria das infra-estruturas das cidades-sede desses eventos, espera-se que esses eventos acelerem a oferta turística e o financiamento a longo prazo da rede hoteleira, além da massiva promoção do Brasil no exterior.

Outro fenómeno nacional que chama a atenção dos investidores é o crescimento do mercado interno, impulsionado por medidas governamentais no centro da crise, como por exemplo o projecto Minha Casa, Minha Vida. Esse quadro tem levado os investidores a explorarem mais o potencial da classe média, do que projectos focados para estrangeiros.

Embalado por esse momento positivo, o Nordeste Invest 2010, o maior evento de investimentos imobiliários e turísticos do Brasil, deverá trazer para o país mais de 100 investidores internacionais, sendo estes em especial fundos de investimentos e redes hoteleiras, para conhecer de perto as oportunidades de investimentos que o país oferece, em especial o Nordeste brasileiro, além de dar a oportunidade aos empresários brasileiros de se encontrarem com esses investidores e realizarem possíveis parcerias de negócios.

A confirmação da participação de redes hoteleiras internacionais no evento, como a Marriott International, Starwood Hotels, Accor Hospitallity, Vilá Gale e Grupo Hyatt, e os fundos de investimento Charlemagne Capital, Global Projetcs Capital, Proactiva e Dolphin Capital Partners, são provas de que realmente esses investidores estão interessados em apostar no Brasil.

Neste ano, a expectativa da Rodada de Negócios é superar em 30% a movimentação do ano passado, chegando à casa dos R$ 580 milhões. É justamente para ajudar a fazer esta ponte entre os investidores estrangeiros e players sérios do mercado nacional, que a ADIT, em parceria com a Apex, o Ministério do Turismo e o Governo de Natal, promove a edição do Nordeste Invest 2010, nos dias 10 e 12 de Maio, no Centro de Convenções, em Natal.
23/03/2010

Últimas notícias